2 Likes

por do sol de ipanema rio de janeiro brasil
Rio de Janeiro

Visão do paraíso - Zuenir Ventura

A cerimônia se repete todo dia. No começo da noite, quando o sol acaba de cumprir o seu trajeto habitual e desaparece lá pelos lados do Vidigal, os banhistas da Zona Sul se levantam da areia e aplaudem de pé. Os moradores já estão acostumados com o ritual. De casa ouço o barulho das palmas, dos assovios, de gritos e exclamações que se espalham pela Praia de Ipanema entre 19h30m e 19h45m. Às vezes vou ver. São jovens que não eram nascidos no verão de 68/69, quando o costume foi lançado num "dia de exportação", como se dizia. Diante de um pôr-do-sol como esses de agora, o jornalista Carlos Leonam não se conformou: "Essa tarde merece uma salva de palmas!" Imediatamente, o grupo em que estava na altura do Posto 9 - Glauber Rocha, Jô Soares, João Saldanha, entre outros - deu início aos aplausos. Depois, o publicitário Roberto Duailib consagrou a cena, recriando-a num comercial de bronzeador para a televisão. A cidade que, segundo Nelson Rodrigues, vaiava até minuto de silêncio era capaz, também, de aplaudir o entardecer.De lá para cá, tudo mudou - o país, a cidade, o mar, a praia, menos o sol. Em forma de enorme bola de fogo, ele continua realizando sua lenta e cuidadosa operação de descida em direção ao mar. Durante os 10 minutos que leva para mergulhar por inteiro, a praia lotada permanece observando em contrito silêncio, à espera da explosão final.Na terça-feira passada, porém, foi diferente. O boletim do tempo informara que o céu estaria nublado e que a lua nova se encontrava em transição, como o país. O sol deveria se pôr às 19h43m, mas chegou um pouco atrasado e escondeu-se atrás de estranhas nuvens luminosas, estreitas, dispostas em grupos como se fossem pinceladas ralas e irregulares sobre o azul. A meteorologista Marlene Leal, a quem recorri no dia seguinte, explicou que aqueles "rabos-de-galos" eram formados por diminutos cristais de gelo situados a grandes altitudes. E que o delírio de luz e cor que me deslumbrara ocorria por causa da incidência dos raios solares sobre os cristais. Um mero fenômeno de reflexão chamado cirro-estrato.No entanto, para a jornalista da TV italiana que estava fazendo uma reportagem sobre a violência no Rio, era outra coisa. Das pedras do Arpoador, câmera na mão, ela não sabia o que admirar mais: se o espetáculo do pôr-do-sol ou o da salva de palmas. Viera atrás do inferno e estava ali, atordoada pela beleza, diante de uma visão do paraíso.

Fonte: http://www.almacarioca.com.br/ipanema.ht

View More »

Copyright: Mauricio Rubio Videopontocom
Type: Spherical
Resolution: 8878x4439
Taken: 29/01/2011
Uploaded: 31/01/2011
Updated: 08/03/2015
Views:

...


Tags:
comments powered by Disqus

More About Brazil

Here's your soundtrack. Okay, maybe they're not exactly brazillian but their music is awesome and their live shows legendary.Now, Brazil covers almost half of South America and its Amazon rainforest is the world's largest jungle... which is rapidly getting cut down. The country is basically one giant botanical garden with some bangin' cities on its edges.Brazil was colonized in 1808 by the royal court of Portugal, which was fleeing Napolean's troops. They didn't stay long, and Brazil won its independence in 1822.Its biggest city, Sao Paulo, is the financial hub of South America. Brazil is the "b" in BRIC -- Brazil, Russia, India and China. These four were labeled the world's fastest developing large economies in the year 2001.Brazil is known for three things: amazingly beautiful women, carnival, and Pele -- King of Football, Athlete of the Century, football ambassador of the world and a declared national treasure.Brazillians can tell foreigners a mile away, by the way their hips move. Samba is built into the soul of brazil and carnival is when it bursts out into twenty-four hour undying explosions of sound on every street.This picture of mask diving at the Taipus reefs makes me shed hot and salty tears all over my calendar, which is set on "January" right now.Text by Steve Smith.