N
N
Projections and Nav Modes
  • Normal View
  • Fisheye View
  • Architectural View
  • Stereographic View
  • Little Planet View
  • Panini View
Click and Drag / QTVR mode
分享这个全景图
For Non-Commercial Use Only
This panorama can be embedded into a non-commercial site at no charge. 查阅更多的
Do you agree to the Terms & Conditions?
For commercial use, 联系我们
Embed this Panorama
宽度高度
For Non-Commercial Use Only
For commercial use, 联系我们
License this Panorama

Enhances advertising, editorial, film, video, TV, Websites, and mobile experiences.

LICENSE MODAL

4 Likes

Igreja Nossa Senhora de Desterro
Rio de Janeiro
A Igreja Nossa Senhora de Desterro foi a primeira construção feita no local por iniciativa do Padre Ângelo Siqueira Ribeiro do Prado que levantou um seminário em louvor a N. S. da Lapa de Desterro. O seminário e a capela construídos, quando o bairro da Lapa era apenas uma praia conhecida como Areias de Espanha, datam de 1751, e foram responsáveis pelo nascimento do bairro em sua volta. Os frades carmelitas, por ocasião da chegada de D. João VI, tiveram que desocupar o convento no Largo do Carmo, atual Praça XV, para moradia do Monarca. Receberam, então, como residência, o antigo seminário e a capela da Lapa. Em 1810, com a Capela já transformada em Igreja, trouxeram na transferência do convento para a Lapa, a Imagem de N. S. do Carmo que foi colocada no altar-mor, e onde se encontra até hoje. Sua importância é tão grande que, em 1938, foi tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). A arquitetura do templo é toda em estilo barroco, é ladeada por uma torre à esquerda, tendo a segunda torre ficado inacabada, à espera da instalação de uma sinaleira, caso chegasse a ser matriz. Tem o frontispício (fachada principal) em linhas sóbrias e as paredes são revestidas de azulejos portugueses do século XIX. Possui peças e imagens valiosas, como a de Nª Sª do Carmo e as dos santos Elias e Eliseu (com quase 2 metros de altura cada uma), além de um órgão Cavallier-Colt, de 1898, totalmente restaurado. O altar-mor, atribuído a mestre Valentim, e os altares laterais foram esculpidos entre 1755 e 1780. O autor do projeto, datado de 1751, foi o engenheiro militar e brigadeiro José Fernandes Pinto Alpoim.
Copyright: Mauricio Rubio Videopontocom
Type: Spherical
Resolution: 5000x2500
Taken: 25/10/2010
上传: 22/11/2010
更新: 07/03/2015
观看次数:

...


Tags:
comments powered by Disqus
More About Rio de Janeiro